Esse é o tipo de matéria que precisamos compartilhar com todas as pessoas que conhecemos. Acompanho o Pedro nas redes sociais e conheço, em partes, a história dele. É muito bom entender, a partir das perspectivas de outras pessoas, que há a possibilidade de mudar o pensamento sobre si mesmo. Infelizmente, é preciso perceber que se mudou muito até chegar a certas conclusões. Parabéns/obrigado pelo texto, João!

Um virginiano falando sobre literatura, séries, música e cultura LGBTQIA + Sendo resistência desde que me entendo por gente.